RSS

Merry Christmas . Replace this text with your christmas wishes for your visitors .

AMIZADE VERDADEIRA X amizade falsa

 
Primeiro, queria começar com uma história que tirei de um site, uma história linda que vai falar sobre a amizade verdadeira:

"Numa aldeia vietnamita, um orfanato dirigido por um grupo de missionários foi atingido por um bombardeio. Os missionários e duas crianças tiveram morte imediata e as restantes ficaram gravemente feridas. Entre elas, uma menina de oito anos, considerada em pior estado. Era necessário chamar ajuda por uma rádio e ao fim de algum tempo, um médico e uma enfermeira da Marinha dos EUA chegaram ao local.

Teriam que agir rapidamente, senão a menina morreria devido aos traumatismos e à perda de sangue. Era urgente fazer uma transfusão, mas como? Após alguns testes rápidos, puderam perceber que os dois não tinham o sangue preciso. Reuniram então as crianças e, entre gesticulações, arranhadas no idioma, tentavam explicar o que estava acontecendo e que precisariam de um voluntário para doar o sangue. 

Depois de um silêncio, viu-se um braço magrinho levantar-se timidamente. Era um menino chamado Heng. Verificado o mesmo tipo de sangue, ele foi preparado às pressas ao lado da menina agonizante e espetaram-lhe uma agulha na veia. Ele se mantinha quietinho e com o olhar fixo no teto. Passado algum momento, ele deixou escapar um soluço e tapou o rosto com a mão que estava livre. O Médico lhe perguntou se estava doendo e ele negou. Mas não demorou muito a soluçar de novo, contendo as lágrimas. O médico ficou preocupado e voltou a lhe perguntar, e novamente ele negou. Os soluços ocasionais deram lugar a um choro silencioso, mas sem fim. 

Era evidente que alguma coisa estava errada. Foi então que apareceu uma enfermeira vinda de outra aldeia. O médico pediu então que ela procurasse saber o que estava acontecendo com Heng. Com a voz meiga e doce, a enfermeira foi conversando com ele e explicando algumas coisas, e o rostinho do menino foi se aliviando... Minutos depois ele estava novamente tranqüilo. 

A enfermeira então explicou aos americanos: "Ele pensou que ia morrer; não tinha entendido direito o que vocês disseram e estava achando que ia ter que dar todo o seu sangue para a menina não morrer" . O médico se aproximou dele e com a ajuda da enfermeira perguntou: 

-Mas, se era assim, por que então você se ofereceu a doar seu sangue? 

E o menino respondeu simplesmente: 
-Ela é minha amiga. 
Todos sonhamos em encontrar um amigo assim. 

"Concedei-nos, Senhor, a serenidade necessária para aceitar as coisas que não podemos modificar, coragem para modificar aquelas que podemos e sabedoria para distinguirmos umas das outras."

"Ela é minha amiga", você é meu amigo, nós somos amigos...
Mas e agora, o amigo verdadeiro não é aquele que dá apenas o necessário, ele dá um algo a mais, ele quer ver a outra pessoa bem, sem ter que se preocupar, e o amigo falso? 
Ixi, esse aí nem menos lhe dará um copo de água, seria tão difícil para a gente viver em uma sociedade entre "verdadeiros" e "falsos"?
Seria, porque de certa forma não conseguiríamos distinguir entre a convicção exata e a errada, seriamos confundidos, é pelo tempo que se vai demonstrando quem realmente somos, e uns ainda conseguem "imitar" novela, conseguem se disfarçar e enganar mais ainda, mas nós não queremos esse lado ruim, vamos pensar o certo.

É aí que temos também, o amigo verdadeiro, aquele que doa seu sangue para nos fazer feliz, e assim ele nos conquista mais ainda, ele sim é "amigo", os bons amigos, os verdadeiros, os certos.

Desejo a você que não olhe ao exterior de alguém, dê tempo ao tempo, faça desse tempo, o momento de conhecimentos.

Amizade verdadeira é aquela que não se define.
Amizade falsa é aquela que tem várias razões para se definir, várias mentiras.
Pois a amizade verdadeira não tem definições, apenas "ATITUDES".

4 comentários:

Jaqueline Cristina disse...

É comum as pessoas dizerem "é meu amigo" mas não agirem como tal. Isso cansa!

Érick Ramos disse...

Verdade!
Acreditar em alguém é difícil, mas pior que isso, é acreditar em quem é falso com a gente.

lettersfromlaunna disse...

I know exactly what you mean, people talk of friendship and really it is just talk, true friendship is giving and doing things outside of our comfort zone and finding out how easy it:)

Érick Ramos disse...

This is exactly the same!

Postar um comentário

Apresentação sobre o blog

A convicção de que a vida seja bela, só pode vir do êxtase de amar, do prazer de sentir a vida pelo vento que passa, e assopra aonde quer, que nos tira o passado, e nos move à frente, que nos conduz ao que é bom, deixando para trás o que não vale, o que não possui lucro.

Que ele assopre na gente com desejos de nos melhorar, nos nivelar pelo alto anseio de amar o outro como uma parte de nós, como um algo que sem ele não vivemos, como um ser cheio de atitudes para serem demonstradas enquanto esse vento não nos leve com um assopro de fim.

Que as razões não estejam tão certas quanto o desejo de amar, pois há quem ama sem precisar ter certeza, amar sem certas condições, amar ilimitadamente, amar sem lei, amar até o fim, e é no fim que definimos se o amor foi certo ou não, se foi verdadeiro ou não, eis a filosofia da vida, eis o blog que lhe apresento e desejo uma boa leitura!

-Érick Ramos-

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...